Resultado final do concurso de Santa Rita sai na segunda-feira

O Instituto Cidades programou para a próxima segunda-feira (18) a divulgação dos resultados finais do concurso público realizado Prefeitura de Santa Rita em novembro do passado para cargos na Secretaria de Saúde.
Ainda está prevista para esta sexta-feira (15) a liberação dos pareceres sobre os recursos impetrados e o resultado das avaliações de títulos, exigidas em algumas funções.

A previsão foi repassada pela comissão organizadora do concurso nesta quinta-feira (14). O resultado final é aguardado desde dezembro do ano passado, quando o Instituto Cidades deu início a uma série de prorrogações. Após dois meses de espera e ansiedade, em fevereiro os candidatos tiveram acesso à consulta de seus desempenhos individuais.

Mais de 7 mil candidatos se inscreveram para as 586 vagas distribuídas em setores administrativos da secretaria (como auxiliar administrativo, digitador, técnico em contabilidade, auxiliar de serviços gerais e motorista) e no atendimento direto à população em especialidades médicas.

Os salários em cargos de nível superior variam de R$ 1,6 mil a R$ 6 mil. Profissionais com formação técnica ou nível médio terão vencimento inicial previsto de R$ 710 a R$ 915. Para nível fundamental (completo ou incompleto), o salário a partir de R$ 610.

Lei aprovada na Câmara obriga contratação de concursados

Os candidatos que estão na 'fila' por um emprego estável na Prefeitura de Santa Rita poderão contar com um novo aliado. A Câmara de Vereadores da cidade aprovou na última quarta-feira (13) um projeto de lei que obriga os poderes Executivo e Legislativo a contratar os aprovados em concursos públicos realizados em seus âmbitos.

O texto prevê a convocação dos candidatos que forem classificados dentro das vagas efetivas previstas nos editais. Entre os concursados que se encaixam nesta situação estão os aprovados na seleção promovida para a Secretaria de Educação em 2009. Cerca de 70% foram chamados, mas 30% deles ainda aguardam nomeação.

A Secretaria Municipal de Comunicação informou que o projeto de lei ainda vai ser apreciado pelo prefeito Marcus Odilon, que decidirá se vai sancioná-lo.

O cabaré com Paraíba1

0 comentários:

Postar um comentário